26 de novembro de 2011

Dia da poesia...

Minha rua perfeita


A rua aonde
eu moro é bela,
singela,mas não quieta

Ela me espera
aberta,em alerta
pra me ver chegar

Depois do almoço
ouço,ela me chamar
"Vamos brincar?"

Depois chega
a hora,agora
embora eu vou

Agora em casa
me despeço dela
pela bela janela .

                         Natalia Gomes

Nenhum comentário :